segunda-feira, 9 de março de 2009

DROGAS! FLAGELO APOCALÍPTICO!

Estamos no 3º milênio, as portas da era de aquário, a era da regeneração, e o homem caminha ainda às escuras, esbarrando nas pedras dos vícios degradantes numa corrida louca para a satisfação do seu ego, não vendo o abismo que se aproxima.
A espiritualidade vem nos quatro cantos da terra, anunciando que os tempos são chegados, o que significa que vivemos o momento apocalíptico e as drogas são sem dúvida um dos flagelos da humanidade, o da miséria humana.As drogas entorpecem o espírito, destroem a razão e empurram a criatura para o abuso de todos os seus sentidos, aniquilando a dignidade e ainda abastecendo charcos umbralinos depurativos com milhares de seres em estado indescritível de degeneração.Enquanto o homem viver para si, estará de cabeça baixa e curvado, lembrando o selvagem das cavernas movido pelos instintivos, só que com uma grande diferença:O selvagem matava para viver.O pseudocivilizado, mata para se matar,rouba para se roubar,destrói para se destruir.O homem não tem mais o direito de plantar qualquer coisa, está chegando a hora da colheita e só os que escolherem boas sementes herdarão a terra. Ainda há tempo, vamos deixar as sementes podres de lado, se o homem lembrar que é SAPIENS, levantará a cabeça e verá o sol pronto para lhe dar a luz. Luzes que podem ser encontradas em sóis como Jesus, Khrisna, Buda, Lao-tsé, Confúsio, Zoroastro, Kardec, Chico Xavier...
Marcos Veda

Nenhum comentário: